19 de agosto de 2020

Governo Bolsonaro quer reduzir auxílio emergencial para R$ 200

 Revista Fórum - O governo Bolsonaro estuda pagar novas parcelas do auxílio emergencial para trabalhadores informais e pessoas de baixa renda. O valor, no entanto, deve ser cortado para R$ 200 ou no máximo R$ 300.

Jair Bolsonaro e Fila na Caixa Econômica Federal

O auxílio foi instituído para ajudar trabalhadores informais e a população vulnerável que perdeu renda com a pandemia do novo coronavírus.

Os R$ 200 eram a quantia que a equipe econômica do governo federal queria pagar às pessoas mais duramente atingidas pela emergência de saúde. Mas o projeto foi modificado na Câmara dos Deputados e o valor ficou nos R$ 600.

Se fosse apenas prorrogar o auxílio como está, o governo não precisaria da MP. Como pretende reduzir o valor, vai precisar de nova medida legislativa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estamos aguardando seu comentário