18 de julho de 2020

PF monta força-tarefa para apurar fraude em auxílio emergencial

Pessoas fazem fila em agência da Caixa para tentar receber o auxílio emergencial

Falhas na poupança digital e no aplicativo Caixa Tem, entre outras brechas, têm permitido que criminosos acessem as contas dos beneficiários e usem o dinheiro que não lhes pertence. O valor do desfalque seria suficiente para pagar a cota de R$ 600 do benefício a mais 100 mil brasileiros.
Depois de checar a fraude no benefício, a PF deve estender as investigações em uma segunda fase, a outros possíveis recebimentos indevidos de benefícios. Servidores públicos federais, estaduais, empresários, autônomos e profissionais liberais da região estão na mira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estamos aguardando seu comentário