28 de maio de 2020

Bolsonaro diz que integrantes do gabinete do ódio são cidadãos de bem e ameaça reagir

Alexandre de Moraes e Jair Bolsonaro

 Em post no twitter, ele reagiu à ação do STF contra a central de disseminação de fake news e discurso de ódio comandada por sua família e disse que não aceitará passivamente.
247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estamos aguardando seu comentário