14 de outubro de 2019

Chegou ao fim a greve dos servidores do Detran.


O chefe da Casa Civil Raimundo Alves e o diretor-geral do Detran, Jonielson Pereira, assinaram acordo com representantes do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta (Sinai) e da Associação dos Servidores do Detran (Astran).
Foi nesta segunda-feira à tarde.
No termo assinado pelas partes constam o restabelecimento de uma mesa de discussão sobre a regularização das gratificações de representação de gabinete junto à Procuradoria Geral do Estado (PGE), Ministério Público e Poder Legislativo.
Também ficou definido que será iniciado no próximo ano o processo para concurso público e ainda serão pagas as indenizações pendentes, além da recuperação da estrutura física do Detran.
Também foi estabelecido o mês de março como data-base da categoria e a criação de um banco de horas para compensação dos dias não trabalhados, com a exigência de no máximo três horas diárias a serem adicionadas na jornada de trabalho até o dia 30 de novembro.
Por fim, o Governo se comprometeu a elaborar folha suplementar para fazer as compensações salariais aos servidores.
O atendimento no Detran já voltou ao normal nesta segunda-feira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estamos aguardando seu comentário