19 de julho de 2018

TSE NEGA PEDIDO DO MBL PARA CONSIDERAR LULA INELEGÍVEL DESDE JÁ

Na decisão, ministra Rosa Weber disse que é preciso respeitar o devido processo legal e o ‘tempo da Justiça’, e que não é possível analisar pedidos deste tipo antes do registro das candidaturas, em 15 de agosto; para a defesa do ex-presidente, ação movida pelo movimento tinha por finalidade buscar 'likes' nas redes sociais.

247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estamos aguardando seu comentário