26 de março de 2018

COMO PREVISTO, TRF-4 NEGA EMBARGOS DE LULA, MAS MORO NÃO PODE PRENDÊ-LO

Recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Lula contra a decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) no caso do triplex do Guarujá (SP) foi negado por unanimidade nesta segunda-feira 26, como já era esperado; para o TRF-4, Lula pode ser preso para começar a cumprir a pena quando acabarem os recursos no tribunal; uma liminar expedida pelo STF na semana passada, no entanto, impede a prisão até que o plenário da Corte julgue seu pedido de habeas corpus.
247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estamos aguardando seu comentário