2 de agosto de 2018

STF antecipa julgamento de Lula e reforça segurança

: <p>fachin cármen</p>

O STF (Supremo Tribunal Federal) pode julgar o pedido de liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) até antes do dia 15 de agosto, prazo final para o registro de candidaturas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE); o jogo de cartas marcadas do STF nem foi disfarçado: depois de o relator do pedido, ministro Edson Fachin, liberar o caso para julgamento, a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, irá pautar o processo imediatamente e o caso pode ir a plenário no dia 9, quando ministros do STF tentarão discutir também a questão eleitoral – mesmo que isso não tenha sido pedido pela defesa.
247