16 de abril de 2021

Hoje(16) na UBS de Água Nova teve atendimento com médico cardiologista



Dr.Antônio Filgueira


Vansilda( primeira dama), Dr.Antônio(cardiologista) Edilma(secretária de saúde) 


Conforme anunciado pela prefeitura de Água Nova, através da secretaria de saúde,  teve inicio essa semana os atendimentos com médicos especialistas. Ontem foi a vez de Dr. Emanuel,ortopedista e hoje(16) quem atendeu foi o cardiologista, Dr. Antônio Filgueira.  De acordo com o prefeito Ronaldo Sousa, o objetivo é facilitar à população o acesso ao atendimento especializado trazendo mais comodidade aos usuários.








CNH POPULAR: Mais um programa do governo da professora Fátima aos mais humildes

Inscrições ABERTAS!





Onde: https://cnhpopular.detran.rn.gov.br/

Público alvo: Pode ser pleiteado pelos cadastrados no Bolsa Família e em programas assistenciais do estado do RN, como agricultores familiares, pescadores artesanais, pequenos produtores rurais.

Para 2021 serão 353 vagas, distribuídas da seguinte forma: 200 para Primeira Habilitação Categoria “A”, 111 para Primeira Habilitação Categoria “B”, 15 para Mudança de Categoria “C”, 15 vagas para Mudança de Categoria “D” e 12 para Mudança de Categoria “E”. 


Lula diz que será candidato se necessário para derrotar "um fascista que se chama Bolsonaro"

 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva declarou que se candidatará nas eleições presidenciais de 2022 se for necessário. A declaração foi feita depois que o Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou a anulação das condenações contra ele.

"Se for necessário", serei candidato, para ganhar as eleições de "um fascista que se chama Bolsonaro, um genocida, por ser o maior responsável pelo caos na pandemia", indicou na noite desta quinta-feira, em entrevista ao canal de TV argentino C5N.

Lula também abriu a possibilidade que a candidatura das forças progressistas e de esquerda seja de outro partido. "Tenho boa saúde, mas não tem, obrigatoriamente, que ser eu. Podemos escolher alguém que possa representar os setores progressistas do Brasil", disse o ex-presidente. 


15 de abril de 2021

Secretaria de Saude de Água Nova amplia quadro de médicos especialistas



 Secretária de Saude Edilma e Dr. Emanuel Fernandes

Pela primeira vez na história do Municípo, a gestão pública Municipal, investe em médicos especialista para melhor atender a sua população na própria cidade.

Pesando sempre no bem estar e numa maior comodidade  para todos os aguanovense, o prefeito Ronaldo Souza juntamente com a secretária de Saúde Edilma Souza, contratou médicos com especialidades diferentes para melhor atender a população aguanovense no próprio município.

Hoje foi o dia do Ortopedista Dr. Emanuel Fernandes, atender  dezenas de pessoas na UBS, logo em breve  será o médico especialista em  Cardiologia.

#AguaNovaEmDesenvolvimento

#ConstruindoUmNovoTempo.

Placar de 8 X 3 Supremo torna Lula elegível para 2022

 

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria nesta quinta-feira (15) pela incompetência da 13ª Vara Federal de Curitiba para julgar casos contra o ex-presidente Lula. Isto significa que, pelo entendimento do plenário da Suprema Corte, o ex-juiz Sergio Moro, já declarado suspeito pelo Supremo, não poderia ter julgado oA decisão culmina na anulação das sentenças proferidas contra Lula no âmbito da Lava Jato.

Votaram acompanhando o relator, o ministro Edson Fachin, os ministros Alexandre de Moraes, Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Rosa Weber e Luís Roberto Barroso.s processos contra Lula.A decisão culmina na anulação das sentenças proferidas contra Lula no âmbito da Lava Jato.

Os votos divergentes foram dados pelos ministros Kassio Nunes Marques, Marco Aurélio Mello e Luiz Fux.

O placar da segunda etapa do julgamento foi, portanto, de 8 a 3.

PREFEITURA MUNICIPAL DE ÁGUA NOVA ATRAVÉS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROMOVE FORMATURA DO ABC 2020

 


Em uma programação cheia de emoção,  reconhecimento e cuidados, o Centro de Educação Infantil Criança Esperança e a Creche Santa Ana, através da Prefeitura de Água Nova e a Secretaria Municipal de Educação, promoveram na noite desta quinta-feira(15), a formatura do ABC 2020 sob o tema “Sementinhas do amanhã”. 



Evento de grande estilo e com todo cuidado sanitário necessário, contou com participação de pais, professores, alunos, coordenadores, diretores, Prefeito, Vice-prefeito e Secretária de Educação.









Lula dispara e Bolsonaro derrete: 52% a 34% no segundo turno

 

Pesquisa Poderdata divulgada nesta quarta-feira (14) mostra que o ex-presidente Luiz Inácio lula da Silva lidera com vantagem de 18 pontos sobre Jair Bolsonaro num cenário de segundo turno das eleições presidenciais de 2022. Lula vence Bolsonaro por 52% contra 34%, segundo o levantamento divulgado pelo site Poder 360

Segundo o PoderData, Bolsonaro perderia também para o empresário e apresentador da TV Globo Luciano Huck (48% X 35%). Contra outros 3 possíveis candidatos testados, Bolsonaro ficaria apenas em situação de empate técnico (a margem de erro da pesquisa é de 1,8 ponto percentual, para mais ou para menos): Bolsonaro 38% X 37% João Doria (PSDB); Bolsonaro 38% X 37% Sergio Moro (sem partido); Bolsonaro 38% X 38% Ciro Gomes.

14 de abril de 2021

“Se o STF reverter a suspeição de Moro, será a esculhambação total”, diz Boulos

 

247 - O coordenador do MTST, Guilherme Boulos, afirmou na noite desta terça-feira (13) esperar que o Supremo Tribunal Federal (STF) mantenha as decisões que anularam as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e declararam a parcialidade do ex-juiz Sérgio Moro. 

"Acho que seria uma esculhambação tão grande, uma desmoralização do Supremo, se reverte a suspeição do Moro e a recuperação dos direitos políticos do Lula. Nós estamos com um Judiciário que chancelou muita coisa nos últimos anos, então nada é impossível. Mas é muito improvável que isso vá acontecer", afirmou Boulos durante participação no Boa Noite 247. 

Nesta terça-feira, Boulos anunciou sua pré-candidatura a governador de São Paulo pelo PSOL, defendendo a criação de frente em torno da candidatura presidencial de Lula. “Precisamos derrotar Bolsonaro no Brasil e Bolsodoria em São Paulo”, disse Boulos.

13 de abril de 2021

Oposição articula "superpedido" de impeachment contra Bolsonaro

 


A intenção é reunir diversas denúncias de crimes de responsabilidade cometidos por Bolsonaro em uma única peça e entregá-la ao presidente da Câmara, Arthur Lira, até o final de abril, em um ato nacional.

247

Agressão de Bolsonaro ao Senador Randolfe não é de agora, começou em 2013

 

Em setembro de 2013, Bolsonaro, na época deputado pelo PP-RJ, tumultuou a visita da Comissão da Verdade do Estado ao 1º Batalhão de Polícia do Exército, no Rio de Janeiro. "Convidamos alguns parlamentares. Bolsonaro apareceu para tumultuar. Naquele dia eu impedi a agressão", lembrou Damous

A hostilidade de Jair Bolsonaro contra o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), revelada na ligação com o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) onde o presidente ameaça partir "para a porrada", é de longa data.

 A hostilidade de Jair Bolsonaro contra o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), revelada na ligação com o senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) onde o presidente ameaça partir "para a porrada", é de longa data. 

247

12 de abril de 2021

Governadora Fátima Bezerra se pronuncia em suas redes sociais sobre notícia falsa dita por Bolsonaro

 





Conversa entre Bolsonaro e Kajuru confirma mais um crime de responsabilidade



 "A conversa entre Bolsonaro e Kajuru é a prova de mais um crime de responsabilidade do presidente, que tenta intervir no Legislativo e intimidar o STF. O objeto da CPI da Covid não pode ser modificado. Bolsonaro está morrendo de medo e tenta sabotar as investigações", escreveu o deputado Marcelo Freixo (Psol-RJ), líder da minoria, em suas redes sociais.Na conversa, Bolsonaro revela a intenção de usar a CPI da covid para perseguir governadores, prefeitos e ministros do STF.

247

11 de abril de 2021

O filme " Contágio" voltou a ser um dos mais acessados em todo mundo

 

Com a preocupação crescente sobre a proliferação do Coronavírus, pessoas de todos os lugares do mundo estão prestando atenção em seus celulares para saber se a doença já chegou às regiões próximas de onde mora. Mas o interesse pela doença também está “transbordando” para outras áreas.Um filme dirigido por Steven Soderbergh e lançado há nove anos parece ter despertado o interesse do público novamente.

Desde a semana passada, o filme Contágio está entre os 10 mais vistos na plataforma iTunes (e no momento em que este texto foi escrito, entre os 20 mais vistos no Google Play), algo que pode ser considerado um marco para um filme que não é estreia.

Charge

 



10 de abril de 2021

Bolsonaro quer impedir decisões monocráticas no STF

 

Na fala  de  ontem a imprensa,  Bolsonaro deixou claro que quer impedir decisões monocrática no STF, sugerindo que  vai mudar  a constituição  para acabar com "isso daí".

O que foi mais comentado nas redes ontem, foi a fala de Bolsonaro dirigida ao  Ministro Queiroga na hora da foto para imprensa: "Tire a máscara caralho"", disse o Presidente.

9 de abril de 2021

Derrotado pela decisão de instalar a CPI a Covid-19, Bolsonaro fala de impeachment de ministros do STF



Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira (8) que o STF (Supremo Tribunal Federal) interfere nos outros Poderes ao mandar abrir a CPI da Covid-19. O titular do Planalto defendeu que o Senado deveria apreciar pedidos de impeachment de ministros do Supremo.

Criticando diretamente a Corte Suprema, Bolsonaro disse em entrevista à CNN Brasil, que "não há dúvida de que há uma interferência do Supremo em todos os Poderes". E defendeu que o Senado ponha em pauta o pedido de impeachment de ministro do SupremoEm sua decisão, o ministro Luís Roberto Barroso afirmou que estão presentes os requisitos necessários para a abertura da comissão parlamentar de inquérito, incluindo a assinatura favorável de mais de um terço dos senadores, e que o chefe do Senado não pode se omitir em relação a isso, informa reportagem da Folha de S.Paulo.Para ele, a decisão do ministro Barroso de determinar que o Senado abra a CPI da Covid-19 tem a finalidade de atingir seu governo. 

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, disse que a comissão neste momento será um ponto fora da curva e que pode “ser o coroamento do insucesso nacional no enfrentamento da pandemia”.  E que as audiências da CPI podem ser uma antecipação da corrida eleitoral em 2022 e servir de “palanque político” para potenciais candidatos. Mas assegurou que cumprirá a decisão. 

 247



8 de abril de 2021

Prefeito de Água Nova Ronaldo Sousa contrata 4 médicos especialistas

 


 O  Prefeito Ronaldo Sousa, através da Secretaria Municipal de Saúde, contratou  quatro médicos com especialidades diferentes para melhor atender a população água-novense no próprio município.

Na área de ortopedia podemos conta com Dr. Emanuel Fernandes, Cardiologista: Dr. Antônio Filgueira, 

Pediatra: Dr. Francisco Figueiredo , e o Ginecologista: Dr. Hênio Suassuna. 

 E a partir do dia 26/04 , clínico geral,  no programa mais médico na UBS da Cidade e no PSF do Carnaubal.

Unicef sugere que boas práticas educacionais do RN sejam compartilhadas com outros estados

 

Durante encontro virtual, Governo do RN e Unicef compartilham iniciativas na educação durante a pandemia e estratégias para retorno das aulas presenciais


O Governo do Rio Grande do Norte e a Unicef (Fundos das Nações Unidas para a Infância) se reuniram nesta quarta-feira (7) para discutir políticas educacionais na pandemia. Na ocasião, o órgão internacional compartilhou ferramentas, demonstrou interesse em disseminar as que já são utilizadas pelo estado e ofereceu apoio para aprofundar o tema da retomada das aulas presenciais com segurança. 

 

“É doloroso constatar que estamos há um ano sem as atividades presenciais na educação. Estamos falando de um mundo real cheio de desigualdades. Boa parte dos nossos estudantes do ensino público não têm inclusão digital, não têm acesso a ferramentas que possam mitigar os impactos dessa pandemia”, destacou a governadora Fátima Bezerra durante encontro virtual. “Temos que lutar com todas as nossas forças para que esse tempo tenha sido comprometido, mas não perdido.” 

 

A representante da Unicef no Brasil, Florence Bauer, elogiou os esforços da equipe potiguar e sugeriu que as práticas potiguares sejam compartilhadas pela governadora no Consórcio Nordeste e Fórum de Governadores. A governadora Fátima Bezerra concordou prontamente em falar sobre os aplicativos usados como o EducaRN em Ação e a Conferência SIGEduc RN - ferramentas gratuitas que possibilitam o acesso a conteúdos educacionais, bem como facilita a comunicação à distância entre estudantes e professores -, além de parcerias com rádios e contrato com a TV aberta. 

 

O Estado também dispõe do Documento Potiguar, que traz diretrizes para retomada das atividades presenciais nas escolas e tem por objetivo subsidiar a elaboração de protocolos com orientações normativo-pedagógicas e de biossegurança em todos os Sistemas Estadual e Municipais de Ensino do RN. 

 

As escolas da rede estadual estão adotando protocolos sanitários para que a retomada presencial seja possível com todas as medidas sanitárias já implementadas: uso de tapetes sanitizantes, totens de álcool em gel, máscaras, sinalizações e termômetros digitais. Mais de 90% da rede está pronta.

 

Fátima lembrou de sua luta para inclusão de profissionais da educação na primeira fase do Plano Nacional de Imunização. “Não se trata de uma luta de caráter corporativista. Deve ser encarada pela sociedade brasileira como prioridade pelo que representa a educação para o desenvolvimento do país, do ponto de vista econômico, científico e social.” 

 

A rede estadual conta com 217 mil estudantes, mas 29 mil não tiveram nenhum tipo de acesso à educação desde o começo da pandemia, enquanto outros 67 mil tiveram baixo acesso.

 

MAIS PROPOSTAS

 

A representante da Unicef, Florence, iniciou sua fala prestando solidariedade pelas vítimas no Brasil e no Rio Grande do Norte, e demonstrou preocupação ao oferecer apoio para a reabertura das escolas após o atual pico da doença. Sugeriu ainda reunião do Comitê Científico estadual com equipe de Saúde da Unicef para conversarem sobre experiências internacionais nesse processo de retorno dos estudantes às escolas.

 

“Crianças e adolescentes, apesar de não serem as mais afetadas pelo vírus, são as mais afetadas indiretamente pelo cenário que a doença provoca. O período prolongado de fechamento de escolas tem impacto profundo no desenvolvimento, tanto em aprendizado como na segurança alimentar, saúde mental e riscos aos quais são expostas, como a violência doméstica”, disse. Ela lembrou ainda da possibilidade de parceria com a plataforma 1 Milhão de Oportunidades, para viabilizar inclusão digital e conectividade. 

 

Governo do Estado - SECOM

Butantan suspende produção da Coronavac por falta de insumos

 

A produção da vacina Coronavac, utilizada contra a Covid-19, está temporariamente paralisada pelo Instituto Butantan por falta de matéria-prima, disseram à CNN três fontes com conhecimento do assunto.

O Butantan ainda vai seguir com a entrega de vacinas na próxima semana, porque tem 2,5 milhões de doses já prontas aguardando o prazo do controle de qualidade.O instituto também informa que cumprirá os prazos estabelecidos nos contratos com o Ministério da Saúde, apesar do atraso na chega de insumos. O Butantan se comprometeu a entregar 46 milhões de doses até o fim de abril.Um novo carregamento de matéria-prima - o chamado IFA (Insumo Farmacêutico Ativo) - estava previsto para chegar da China na próxima sexta-feira, dia 9 de abril, mas foi postergado. O atraso foi admitido pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em coletiva de imprensa nesta quarta-feira (7).

O insumo é fornecido pela parceira do Butantan na Coronavac, a chinesa Sinovac. O atraso da remessa foi provocado pela intensificação da campanha de vacinação na própria China. Até agora os chineses vinham exportando boa parte de suas vacinas porque estão com o contágio da Covid-19 controlado.

Doria disse na coletiva que chegou a ligar para o embaixador chinês em Brasília, Yang Wanming. Dois dias atrás, o embaixador publicou na sua conta no Twitter uma mensagem sobre encontro com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e garantiu que a China seguiria mandando insumos ao Brasil.

CNN

7 de abril de 2021

Amanhã(8) o governo do RN inicia vacinação de agentes de segurança pública

 


O Governo do RN inicia nesta quinta-feira (8) a vacinação contra o coronavírus para os agentes da segurança pública que atuam no Estado. Nesta primeira remessa, serão aplicadas 1.040 doses do imunizante CoronaVac, da biofarmacêutica chinesa Sinovac Biotech em parceria com o Instituto Butantan.

Devem se vacinar servidores públicos da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP), Polícia Penal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Penal Federal e agentes públicos das guardas municipais.

Arthur Lira já tem em mãos 108 pedidos de impeachment de Bolsonaro e pode parar o genocídio brasileiro

 


Com o pedido apresentado pelo Movimento Nacional das Favelas e Periferias nesta terça-feira (6), a Mesa Diretora da Câmara dos Deputados já recebeu 108 pedidos de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro desde o início do governo. Destes, 102 estão abertos e constam como “em análise” pela presidência da Câmara, comandada por Arthur Lira (PP-AL).

O levantamento foi feito pela Secretaria Geral da Mesa por solicitação da liderança do PT na Câmara e mostra que 94% dos pedidos foram feitos durante a vigência da pandemia de Covid-19 – ainda que nem todos sejam diretamente sobre a a atuação do mandatário nesse momento crítico.

Para a deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) o número de pedidos “corresponde ao tamanho da crise que o Brasil vive desde o primeiro dia de governo de Bolsonaro”. “Foram tanto crimes cometidos desde então, mas até o momento a Câmara finge que tudo vai bem. 4195 mortes no Brasil nas últimas 24 horas. Nada está bem, e o impeachment é a única solução para superarmos a crise Bolsonaro”, declarou. 

247

6 de abril de 2021

Prefeitura de Água Nova em parceria com DER realiza tapa buraco

 

Prefeitura Municipal de Água Nova em parceria com o Departamento de Estradas e Rodagem ( DER) realizam mais uma vez,  o trabalho de tapa buracos na RN 79 que liga Água Nova a Rafael Fernandes.

A ação conjunta,  é um trabalho de suma importância em prol da população água-novense e de todos que trafegam na RN 79.





Fonte : Prefeito Ronaldo

Pesquisa XP mostra Lula à frente de Jair Bolsonaro

 

A maior notícia política do dia de ontem, a que revela que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ex-preso político durante 580 dias em Curitiba, tem a menor rejeição entre todos os políticos brasileiros, venceria Jair Bolsonaro em primeiro e segundo turnos, não saiu nos jornais O Globo, Folha de S. Paulo e Estado de S. Paulo – os três pilares da mídia corporativa, um setor do empresariado que apoiou o golpe de 2016 e a retirada dos direitos políticos de Lula, bem como dos direitos trabalhistas.De acordo com o levantamento, Lula vence Bolsonaro por 42% a 38% e também derrota o ex-juiz Sergio Moro, o outro nome da extrema-direita. Bolsonaro empataria com Ciro Gomes e venceria outros potenciais candidatos em segundo turno. A pesquisa também revela que 65% dos brasileiros veem a economia, sob a condução de Paulo Guedes, no caminho errado, e que 80% rechaçam o discurso negacionista de Bolsonaro e querem se vacinar.

247

DETRAN/RN voltou a funcionar a partir de ontem com provas práticas

 

O DETRAN/RN retomou  desde  ontem  (05), a aplicação de provas práticas e teóricas de habilitação para novos condutores nas unidades de Natal e Mossoró.

Com a publicação do novo decreto estadual, que flexibiliza a abertura de alguns setores, a direção do Detran decidiu retomar, gradativamente, alguns serviços presenciais.

Vale lembrar que, devido a pandemia, todos os serviços presenciais precisam ser previamente agendados pelo site do Detran.

Outra medida tomada pela Direção do órgão foi a retomada dos testes práticos itinerantes, que são aqueles que vão aos municípios para serem aplicados. Também a partir de hoje, serão aplicadas avaliações práticas, seguindo o seguinte calendário:


05/04 - Extremoz

06/04 - Caraúbas

07/04 - Assú

08/04 - Currais Novos

09/04 - Jucurutu

12/04 - Nova Cruz

13/04 - Passa e Fica

14/04 - Goianinha

15/04 - São José do Mipibu

16/04 - Santa Cruz

19/04 - Parelhas e Acari

20/04 - Lagoa Nova e Jaçanã

22 e 23/04 - Caicó

23/04 - Jardim do Seridó

26/04 - Alexandria

27/04 - Apodi e Umarizal

28/04 - São Miguel

29/04 - Pau dos Ferros

30/04 - Angicos

Informações: Governo do RN SECOM

5 de abril de 2021

Decisão monocrática de Nunes Marques sobre cultos presenciais afrontou a ciência, o estado laico, a lei e a vida



 A decisão do ministro Kassio Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal (STF), favorável à liberação de cultos e missas presenciais vem na contramão das exigências de ampliação do distanciamento social, no momento mais grave da pandemia do novo coronavírus. Ocorre que a decisão monocrática (isolada) de Nunes Marques afronta princípios de Estado laico, pois decisões de poderes não podem ser justificadas por motivação religiosa. Viola também decisão do pleno do STF (unânime), que assegura competência de estados e municípios para adotar medidas restritivas conforme a gravidade das realidades locais. E desafia, ainda, recomendações de autoridades científicas de que o Brasil precisa adotar medidas restritivas mais rigorosas para combater o aumento das contaminações e mortes decorrentes da covid-19.

Nunes Marques foi o primeiro integrante do STF indicado pelo presidente Jair Bolsonaro, e sua decisão ocorre no pior cenário desde o início da pandemia. Além disso, vem também num momento em que a popularidade de Bolsonaro despenca. Levando-se em conta que algumas das principais bases de apoiadores de Bolsonaro estão nos setores conservadores das igrejas, tantos católicas quanto evangélicas, a medida favorece a presença de público ante líderes religiosos com discurso bolsonarista. E ao mesmo tempo deve socorrer o caixa das igrejas, abalado pela ausência dos fiéis habituados a contribuir financeiramente quando comparecem aos cultos e missas. Mas, por outro lado, pode agravar a situação próxima do colapso em grande parte das regiões do país. Isso porque amplia o risco tanto de uma pessoa se contaminar quanto de causar transmissão comunitária.

Para se ter ideia, o procurador-geral da República, Augusto Aras – também indicado por Bolsonaro – manteve encontros com líderes evangélicos no início de março. Ao pastor Silas Malafaia e ao bispo Abner Ferreira, Aras teria apoiado a abertura de igrejas, contra as restrições impostas por governadores e prefeitos. O que Nunes Marques. com a liberação liminar de cultos e missas, fez foi pôr em prática, por decisão liminar (provisória), a opinião dos pastores. E também a de Aras e do advogado-geral da União, André Mendonça.A liminar concedida por Nunes Marques causou reação imediata do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil. “Em Belo Horizonte, acompanhamos o plenário do STF (sobre o poder de estados e municípios regularem as restrições locais). O que vale é o decreto do prefeito. Estão proibidos os cultos e missas presenciais”, afirmou Kalil.

A Frente Nacional de Prefeitos também reagiu, e cobrou do STF manifestação pública. O presidente da frente, Jonas Donizette, pediu que o presidente do Supremo, Luiz Fux, esclareça o imblóglio criado por seu colega de Corte e defina qual norma deve ser seguida. “A decisão do plenário (unânime) que determinou que os municípios têm prerrogativa de estabelecer critérios de abertura e fechamento das atividades em seus territórios, ou essa liminar?”

247

4 de abril de 2021

Governo Bolsonaro pagou famosos por posts sobre tratamento ineficaz contra a Covid-19

 

Mais de R$1,3 milhão dos cofres do governo federal foram utilizados para pagar ações de marketing com influenciadores sobre a Covid-19. O valor foi investido pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria de Comunicação (Secom) e inclui R$ 85,9 mil destinados ao cachê de 19 “famosos” contratados para divulgar estas campanhas em suas redes sociais.  

Em janeiro deste ano, a Secom contratou quatro influenciadores, que receberam um montante de R$23 mil para falar sobre “atendimento precoce”. A verba saiu de um investimento total de R$19,9 milhões da campanha publicitária denominada ‘Cuidados Precoce COVID-19’.  

A ex-BBB Flávia Viana recebeu, sozinha, R$11,5 mil, segundo os documentos obtidos. 

No roteiro da ação, obtido pela Agência Pública através de um pedido via Lei de Acesso à Informação (LAI), a Secom orientava a ex-BBB Viana e os influenciadores João Zoli (747 mil seguidores), Jéssika Taynara (309 mil seguidores) e Pam Puertas (151 mil seguidores) a fazer um post no feed e seis stories – todos no Instagram – dizendo para os seguidores que, caso sentissem sintomas da Covid, era “importante que você procure imediatamente um médico e solicite um atendimento precoce”. 

Viana, que fez o seu post em 14 de janeiro, enquanto Manaus vivia o auge do colapso na rede hospitalar, recebeu quase 33 mil likes. Pam Puertas e Jessika Taynara fizeram seus posts nos dias 12 e 13 de janeiro, respectivamente, e a reportagem não encontrou no feed de João Zoli a postagem publicitária. A Agência Pública entrou em contato com os quatro influenciadores, porém não recebeu resposta até o fechamento desta reportagem.

No texto-guia, ou briefing, desta ação, os quatro influenciadores foram orientados a posar de maneiras diferentes, alguns com a máscara no rosto e álcool gel na mão, outros lavando a mão. O texto pelo qual os influenciadores deveriam se guiar para fazer seus posts dizia: “Hoje quero falar de um assunto importante, quero reforçar algumas formas de se prevenir do coronavírus. Vamos nos informar e buscar orientações em fontes confiáveis. Não vamos dar espaços para fake news. Com saúde não se brinca. Fiquem atentos! E se identificar algum sintoma como dor de cabeça, febre, tosse, cansaço, perda de olfato ou paladar, #NãoEspere, procure um médico e solicite um atendimento precoce”. O texto trazia ainda a recomendação do uso da máscara e higienização das mãos com água e sabão ou álcool gel.  

Em ofício que acompanha a resposta da LAI, a Secom esclareceu que, do valor total, R$987,2 mil foram destinados à produção das peças – filmes para TV, spot para rádio, vídeos e banners para internet e peças para mídia exterior – enquanto o valor restante (R$ 18,9 milhões) foi destinado à veiculação e divulgação do material produzido. Não há detalhamento dos gastos com ações de marketing de influência. 

Uma das peças de TV veiculadas em outubro focava na hashtag “NãoEspere”, presente no texto-guia entregue aos influenciadores. As ações foram pensadas no bojo da campanha anunciada pela pasta no fim de setembro de 2020 para estimular o cuidado precoce. 

“Tratamento precoce” X “atendimento precoce”  

Nem o briefing da ação, nem as postagens dos influenciadores contratados traziam menção ao “tratamento precoce” para Covid-19 com uso de medicamentos como cloroquina e ivermectina. Porém, na própria campanha oficial sobre “atendimento precoce” veiculada nos sites do governo, os termos “atendimento” e “tratamento” se confundem. 

“O tratamento precoce comprovadamente aumenta as chances de recuperação e diminui a ocorrência de casos mais graves e, consequentemente, o número de internações”, diz o release – que depois recomenda ações como as divulgadas pelos influenciadores: lavar as mãos, usar máscaras, entre outras. 

No dia 16 de janeiro, uma postagem do Ministério da Saúde no Twitter foi marcada como “publicação de informações enganosas e potencialmente prejudiciais relacionadas à COVID-19” por mandar os cidadãos que tivessem sintomas buscar uma UBS e solicitar o “tratamento precoce”.

A confusão entre os termos esteve presente, também, no discurso do ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. No dia 18 de janeiro deste ano, ele negou ter recomendado “tratamento precoce” à população, afirmando que o que era recomendado pelo Ministério era o “atendimento precoce” – o que não é verdade.  

Um ofício enviado pelo Ministério da Saúde à Secretaria de Saúde de Manaus em 7 de janeiro – na semana em que os influenciadores faziam suas postagens no Instagram –  previa uma visita de técnicos do Ministério para difundir e aprovar “o tratamento precoce como forma de diminuir os internamentos e óbitos decorrentes da doença” e ressaltava “a comprovação científica sobre o papel das medicações antivirais orientadas pelo Ministério da Saúde”. 

Ainda enquanto ministro interino, Pazuello assinou um protocolo do Ministério da Saúde que permite o uso da cloroquina para a Covid-19. O protocolo é usado por diversos governos municipais para distribuir o medicamento a seus cidadãos, conforme denunciou a Agência Pública no ano passado.  

Em outubro do ano passado, a Organização Mundial da Saúde (OMS) já havia publicado um estudo que demonstrava a ineficácia de diversos medicamentos, incluindo muitos do “tratamento precoce” brasileiro, contra a Covid-19. Durante a reunião que aprovou o uso emergencial das vacinas Coronavac e de Oxford, em janeiro deste ano, técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) reforçaram a inexistência de tratamento precoce para o coronavírus. Mais recentemente, em fevereiro, uma pesquisa no Amazonas comprovou o efeito contrário: pacientes que tomaram remédios do “tratamento precoce” para evitar ou tratar sintomas iniciais da Covid-19 tiveram maiores taxas de infecção que aqueles que não tomaram nada. 

Paralelamente à ação com influenciadores liderada pela Secom, o Ministério da Saúde lançou a plataforma “TrateCov”, que recomendava cloroquina até para bebês. O Conselho Federal de Medicina pediu, em nota, que o aplicativo fosse removido “imediatamente” pelo Ministério. O aplicativo saiu do ar em 20 de janeiro, menos de uma semana depois de seu lançamento.  “Tratamento precoce não existe. A gente não tem ainda nenhum medicamento comprovado que possa diminuir esses sintomas [de covid-19]”, afirma a epidemiologista Ethel Maciel. Ela explicou que atendimento precoce e tratamento precoce são coisas diferentes. “O atendimento precoce seria a pessoa procurar o sistema de saúde nos primeiros sinais de sintomas”. Mas criticou a campanha realizada pelo Ministério, considerando a superlotação das unidades de saúde e a falta de coordenação.  

“Não adianta você fazer um chamamento para as unidades que já estão lotadas se não tiver um plano de ampliação desses locais”, disse. 

Secom diz que não mantém ata de reunião sobre influenciadores

No dia 15 de janeiro de 2021, a Secom realizou uma reunião cujo tópico era ‘Influenciadores’, segundo agenda do Coordenador-geral de Mídia, Luiz Antônio Oliveira Alves. A Agência Pública solicitou, por meio da LAI, a ata da reunião. Na resposta, a Secom afirmou que não é de praxe manter ata ou gravação de reuniões, por se tratar de assuntos internos e rotineiros, mas esclareceu que nesta reunião discutiu-se “questões envolvidas no emprego de influenciadores digitais como complemento aos esforços de mídia das ações de divulgação desta Secretaria.”  Já o Ministério da Saúde tem pagado influenciadores digitais para campanhas relacionadas à pandemia de coronavírus desde março de 2020. A primeira campanha com essa temática custou R$400 mil, para o pagamento de cinco influenciadores digitais, segundo documento obtido via LAI pela organização Fiquem Sabendo. As personalidades de Instagram Vovó de Seis (68 mil seguidores) e Vovó Janete (13 mil seguidores), que publicam conteúdos sobre família e bem-estar, receberam cachês de R$3 mil e R$1 mil, respectivamente, assim como os youtubers NerdShow e Professor Paulo Jubilut, que juntos somam mais de 1,8 milhão de inscritos em seus canais. 

No briefing, os influenciadores foram orientados a falar sobre cuidados básicos como lavar as mãos, uso de álcool gel e tossir nos cotovelos. Isolamento e distanciamento social não foram mencionados como estratégias de prevenção da doença. Janete Stapf, a Vovó Janete, contou à Pública ter sido procurada pela agência TubeLab, a qual mediou seu contato com o MS. Foi instruída a publicar três vídeos curtos em seus stories, além de um post no seu feed do Instagram, que lhe renderam R$1 mil. “Tudo que publico é visualizado muito rapidamente. E eu sempre respondo, nem que seja só com um coração”, ela explica.  

Janete conta que as instruções da campanha foram enviadas por WhatsApp pela representante da agência que a contatou. “Na época, me pediram para focar no ato de lavar as mãos. Não falaram de máscaras, por exemplo”, lembra. Foi Janete quem enviou os resultados dos seus posts e o engajamento gerado para a agência.  Em maio de 2020, uma campanha propagandeava o TeleSUS, plataforma de medicina remota do Ministério da Saúde. A campanha custou R$500 mil e pagou cinco influenciadores digitais, entre eles a ex-BBB Flávia Viana e a dupla sertaneja Henrique e Diego. Viana recebeu R$10 mil, Henrique e Diego receberam R$3 mil, o youtuber Igão recebeu R$6 mil e Nanda Caroll e Camila Loures receberam R$5 mil e R$7,5 mil, respectivamente. 

O descritivo da campanha sobre o TeleSUS diz que a estratégia consistia em informar sobre o coronavírus e difundir métodos de prevenção.utra campanha, veiculada em julho e que também custou R$400 mil, foi dedicada ao desenvolvimento infantil e envolveu a contratação de outras cinco influenciadoras – todas elas mães. No descritivo da campanha, a agência R2 Produções e Eventos detalhou que o objetivo era apresentar “estratégias e meios de estimular o desenvolvimento de nossas crianças durante a pandemia (COVID-19)” 

O processo de contratação de influenciadores envolve agências licitadas pelo Executivo, como Artplan, Calia e NBS, que fazem a intermediação. As três seguem ganhando licitações anuais do governo desde, pelo menos, 2017. Em agosto de 2020, a Secom renovou novamente a licitação das empresas por mais 12 meses. A Artplan, cliente da empresa de marketing do antigo chefe da Secom, Fabio Wajngarten, recebeu o maior número de verbas publicitárias em 2019.  Entre janeiro de 2019 e dezembro de 2020, foram investidos mais de R$10 milhões em marketing de influência apenas pelo Ministério da Saúde, incluindo campanhas de combate à tuberculose, de doação de sangue, de prevenção das infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) e de vacinação contra o sarampo.  

Em 2020, apenas 27% do total gasto no ano – R$4,8 milhões – foi para ações relacionadas à pandemia de coronavírus. 

247

3 de abril de 2021

Depois da Ford, Renault e Nissan podem também fechar fábricas no Brasil

 



247 – O encolhimento do mercado brasileiro de automóveis, que caiu de 4 milhões de unidades/ano com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para apenas 2 milhões/ano, com a dupla Jair Bolsonaro e Paulo Guedes, pode fazer novas vítimas, depois da saída da Ford, que fechou suas fábricas em São Paulo, Bahia e Ceará. “Os mais fracos vão sair do Brasil, o que sempre acontece em grandes crises. Dentre os mais fracos, cito a Aliança (Nissan-Renault)”, disse Carlos Ghosn, ex-presidente da empresa, em entrevista publicada neste sábado, na revista Veja.

2 de abril de 2021

Morre de covid o ex-vereador e ex-presidente da Câmara de Natal, Renato Dantas

 


O blogueiro e ex-vereador Renato Dantas lutou, mas não conseguiu vencer a covid.

Morreu hoje às 5h40 na UTI da Policlínica, em Natal.

Tirso Renato Dantas tinha 60 anos e estava casado com a paraibana Dayana Campos.

Ela foi informada pelo médico Domingos Sávio, às 5h42, que ele havia sofrido uma parada cardíaca.

O corpo de Renato será sepultado no Morada da Paz, em Emaús.

O ex-vereador que assinava o polêmico Blog do Primo, foi diagnosticado com covid no dia 1º de março e no dia 11 foi internado na Policlínica.

Thaisa Galvão