23 de abril de 2018

Moro se complica e confirma em despacho que Lula não é dono do triplex do Guarujá


Cristiano_Zanin_Martins







Você sabia que Lula não foi condenado por ser o dono do Triplex do Guarujá? Mas é isso que afirma Sérgio Moro. Veja nesta reportagem:
A defesa de Lula superou o teor hermético da sentença de Sergio Moro sobre o caso triplex e expôs, com base nas palavras do juiz, os abusos cometidos no processo. Nesta terça (18), em nota à imprensa, a defesa apontou que Moro praticamente admitiu que forçou a barra para ser o juiz da causa, não usou a denúncia do Ministério Público Federal para julgar Lula, tendo criado uma acusação própria, e ainda evidenciou que a condenação foi baseada em uma delação informal não corroborada por provas documentais.
Em despacho feito pela manhã, Moro havia rebatido os embargos de declaração da defesa de Lula reforçando alguns pontos de sua sentença de maneira mais contundente. Por exemplo, afirmou que o ex-presidente foi condenado não porque seria o titular oculto do triplex – algo que a Lava Jato não pôde provar – mas sim porque o valor das obras feitas no apartamento teria sido “abatido” de um caixa virtual que Leo Pinheiro afirma ter mantido em nome do PT, onde chegou a acumular R$ 16 milhões.
O trecho expõe a fragilidade da sentença de Moro de duas formas: primeiro, ao destacar que houve alteração da denúncia original, que dizia que Lula “efetivamente” recebeu o triplex como pagamento de propina da OAS, fruto de 3 contratos da Petrobras; segundo, pela inexistência de provas nos autos do caixa com R$ 16 milhões ao PT, usado para condenar Lula.
“A falta de correlação entre a sentença e a acusação revela a nulidade da decisão, uma vez que o juiz decidiu algo diferente da versão apresentada pelo órgão acusador, sobre a qual o acusado se defendeu ao longo da ação”, disparou a defesa de Lula.
“Não há na sentença proferida em 12/07 ou na decisão proferida nesta data qualquer prova desse afirmado abatimento, simplesmente porque ele não ocorreu, ao menos para beneficiar o ex-Presidente Lula”, acrescentou.
Em outra passagem, Moro escreveu: “Este juízo jamais afirmou, na sentença ou em lugar algum, que os valores obtidos pela Construtora OAS nos contratos com a Petrobras foram usados para pagamento da vantagem indevida para o ex-Presidente.”
Para a defesa de Lula, isso confirma que o processo jamais deveria ter tramitado na Vara Federal de Curitiba, já que não tem qualquer relação com a Petrobras segundo a narrativa apresentada pelos procuradores.
A defesa ainda rebateu a comparação que Moro fez entre Lula e Eduardo Cunha, taxando-a de “descabida e reveladora de falta de critérios objetivos.”
Para o advogado Cristiano Zanin, autor da nota, Moro “coloca-se acima da lei em relação à parte e aos seus defensores, que foram tratados sem a devida urbanidade em diversas oportunidades pelo juiz, como está registrado nos áudios oficiais, nos áudios registrados pela defesa de forma lícita e ostensiva e também pela imprensa.” (Do GGN)
Abaixo, a nota completa da defesa, assinada por Cristiano Zanin Martins.
1 – A defesa do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva recorrerá da decisão que foi proferida hoje (18/07) pelo juízo da 13ª Vara Federal
Criminal de Curitiba no julgamento dos embargos de declaração apresentados em 14/07 nos autos da Ação Penal n.
504651294.2016.4.04.7000/PR, da qual ainda aguarda ser intimada.
2- Sem prejuízo disso, com base nas informações já disponíveis, a defesa esclarece que:
2.1 – Fica claro que o juízo de Curitiba forçou sua atuação no caso, como sempre foi dito pela defesa, pois o processo, além de veicular acusação absurda, jamais teve qualquer relação efetiva com a Petrobras. O seguinte trecho da decisão não permite qualquer dúvida: “Este juízo jamais afirmou, na sentença ou em lugar algum, que os valores obtidos pela Construtora OAS nos contratos com a Petrobras foram usados para pagamento da vantagem indevida para o ex-Presidente”. A decisão proferida hoje, portanto, confirma que o processo jamais deveria ter tramitado perante o juízo da 13a. Vara Federal Criminal de Curitiba, que não tem qualquer relação com a narrativa apresentada pela acusação.
2.2. O juiz deixa claro que criou uma acusação própria, diferente daquela apresentada em 16/09/2016 pelo Ministério Público Federal.
Segundo o MPF, Lula teria “efetivamente recebido” o apartamento tríplex, comprado com recursos provenientes de 3 contratos firmados
entre a Construtora OAS e a Petrobras. A decisão hoje proferida, no entanto, afasta qualquer relação de recursos provenientes da Petrobras
e afirma que “a corrupção perfectibilizou-se com o abatimento do preço do apartamento e do custo da reforma da conta geral de propinas,
não sendo necessário para tanto a transferência da titularidade formal do imóvel”. A falta de correlação entre a sentença e a acusação revela a nulidade da decisão, uma vez que o juiz decidiu algo diferente da versão apresentada pelo órgão acusador, sobre a qual o acusado se defendeu ao longo da ação.
2.3. – Diante do questionamento da defesa, o juiz agora afirma que o suposto ato de corrupção que motivou a condenação de Lula teria
ocorrido “com o abatimento do preço do apartamento e do custo da reforma da conta geral de propinas”. Não há na sentença proferida
em 12/07 ou na decisão proferida nesta data qualquer prova desse afirmado abatimento, simplesmente porque ele não ocorreu, ao menos para beneficiar o ex-Presidente Lula. O esclarecimento hoje prestado pelo juiz deixa ainda mais evidente a ilegalidade da condenação de Lula,
que está 100% baseada no depoimento de Leo Pinheiro, que nessa condição depôs sem o compromisso de dizer a verdade e, ainda,
pressionado pelas negociações com o MPF objetivando destravar um acordo de delação com o objetivo de tirá-lo da prisão. Além de ser
réu na ação e candidato a delator, Leo Pinheiro está condenado a 23 anos de prisão apenas em uma ação penal, e sua palavra não merece
qualquer credibilidade, especialmente em tais circunstâncias.
2.4. Leia-se e releia-se os autos e não há um documento, um depoimento, além da palavra de Leo Pinheiro, que faça referência a
esse afirmado “abatimento do preço do apartamento e do custo da reforma da conta geral de propinas”. Se a palavra de delator não é
confiável para motivar uma condenação, como diz a lei e foi recentemente reafirmado pelo Tribunal Regional Federal da 4a. Região, o
que dizer da palavra de um corréu que depõe sem o compromisso de dizer a verdade e quando negocia sua delação com o órgão acusador.
2.5. Mesmo que fosse possível desconsiderar todos os elementos que comprometem a isenção do depoimento de Leo Pinheiro e a ilegalidade da sua utilização para basear uma sentença condenatória, a versão por ele apresentada é incompatível com outros depoimentos coletados no
curso da ação. Por exemplo, Leo Pinheiro afirma que conversou sobre o afirmado abatimento de valores com os Srs. João Vaccari Neto e Paulo
Okamotto, em 2009. O MPF não quis ouvir a versão de Vaccari, pois não o arrolou como testemunha nem mesmo nas diligencias complementares (CPP,art. 402). Okamotto, por seu turno, negou a conversa em 2009, assim como outras supostas conversas narradas por Pinheiro, admitindo que apenas conversou com ele em 2014. Sobre a utilização de recursos indevidos no empreendimento Solaris ou, ainda, na reforma da unidade 164-A, o depoimento de Pinheiro ainda é incompatível com diversos outros que constam nos autos, inclusive com o do ex-presidente da OAS Empreendimentos, proprietária do imóvel, o também correu Fabio Yonamine.
2.6. – A descabida comparação feita na decisão proferida hoje entre a situação de ex-diretores da Petrobras que confessaram a prática de atos ilícitos e o ex-Presidente Lula: (i) reforça a intenção permanente do juiz Moro de agredir a honra e a imagem de Lula e sua consequente – e inescondível – parcialidade; (ii) mostra que o juiz Moro não sabe distinguir situações que são diferenciadas pelos fatos: depois de uma devassa, nenhuma investigação identificou qualquer conta de Lula com valores ilícitos, seja no Brasil ou no exterior. Diante do teor da sentença e da decisão ora proferida, a única referência à atuação da Petrobras na ação, que parece ter agradado ao magistrado, foi quando um dos advogados da petroleira pretendeu interferir na nossa atuação profissional enquanto advogados de Lula, fato que mereceu o repudio de diversos juristas e defensores da advocacia independente e que não se curva ao arbítrio.
2.7. Também se mostra descabida e reveladora de falta de critérios objetivos a referência feita na decisão hoje proferida ao ex-deputado
Eduardo Cunha. A discussão sobre a titularidade de contas no exterior não existe em relação a Lula, mostrando a impossibilidade de ser
estabelecido qualquer paralelo entre os casos.
2.8 – O reconhecimento do juiz de que “jamais” afirmou que “valores obtidos pela Construtora OAS nos contratos com a Petrobras foram usados para pagamento da vantagem indevida para o ex-Presidente”, mostra o desacerto de sua decisão que admitiu a petrolífera como assistente de acusação no processo, com custos diretos para os acionistas e, indiretos para os brasileiros, por se tratar de sociedade de economia mista. Mostra, ainda, manifesto equívoco ao condenar Lula a reparar “danos mínimos” ao reconhecer que o ex-Presidente não foi beneficiado com valores provenientes dos 3 contratos envolvendo a petrolífera que estão indicados na denúncia.
2.9 – Moro reforça sua animosidade para julgar Lula – situação incompatível com a imparcialidade e com a igualmente necessária aparência de imparcialidade – ao confirmar trechos da sentença (104 parágrafos) que revelam ter ele ficado profundamente afetado com o fato
de Lula haver se utilizado dos meios legais para questionar atos ilegais praticados pelo magistrado e por outros membros da Lava Jato no curso da ação, um deles reconhecido expressamente pelo STF no julgamento da Reclamação 23.457. Coloca-se acima da lei em relação à parte e aos seus defensores, que foram tratados sem a devida urbanidade em diversas oportunidades pelo juiz, como está registrado nos áudios oficiais, nos áudios registrados pela defesa de forma lícita e ostensiva e também pela imprensa.
Cristiano Zanin Martins

Zé Rodrigues lança sua pré candidatura a deputado estadual pelo P C do B

A redação do Blog a Tromba foi informada de que  Zé Rodrigues realizou o lançamento de sua pré candidatura para deputado estadual pelo PC do B. Nas últimas eleições municipais ele foi candidato a prefeito da cidade de Portalegre.

PRISÃO DE LULA FAZ DISPARAR FILIAÇÕES AO PT

A prisão do ex-presidente Lula fez disparar as filiações ao Partido dos Trabalhadores; desde a detenção do petista, há 16 dias, foram registradas 3.230 filiações, 30% do total de 11 mil inscrições contabilizadas desde janeiro; a última parcial da dimensão do partido apontou, segundo registros internos, 2,1 milhões de filiados, dos quais 44% são mulheres; nas cidades com mais de 500 mil habitantes, as mulheres respondem por 51% dos filiados; o PT é o maior partido em número de filiados do país e lança campanha de filiações nesta semana.
247

22 de abril de 2018

LULA: ‘NÃO FUGI PORQUE INOCENTE NÃO CORRE, ENFRENTA. E VOU PROVAR MINHA INOCÊNCIA’

Pouco depois de ter decidido se apresentar à Polícia Federal para o cumprimento do mandado de prisão política expedido por Sérgio Moro, o ex-presidente explicou em vídeo, divulgado neste domingo, 22, os motivos de sua decisão; "Eu poderia ter fugido. Eu não quis fugir, porque inocente não corre, enfrenta. E eu quero provar a minha inocência. Se tem político que não tem honra e não se defende, eu tenho muita honra e quero me defender", disse; Lula afirmou também que iria para Curitiba para provar que Sergio e o procurador Deltan Dallagnol estão mentindo. "Eles estão quase como serviçais da Globo. A Globo é que dá veracidade às mentiras que eles contam e eu resolvi enfrentá-los".
247

20 de abril de 2018

Esse momento registrado pelo Mídia Ninja entrou pra história


A Tromba Informa

Lula à vencedora do BBB que pediu Lula livre: no voto, a gente ganha sempre


:


"Quando é no voto, a gente ganha sempre". Esta foi a mensagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à acreana Gleici Damasceno, que, em plena Rede Globo, comemorou sua vitória no BBB com um grito de 'Lula livre'. Embora a Globo, que apoiou o golpe de 1964, tenha sido a principal máquina de propaganda usada no golpe de 2016, que derrubou a presidente Dilma Rousseff, substituída por um consórcio de corruptos, e também no sequestro do Poder Judiciário para que Lula fosse condenado sem provas e preso, a emissora dos Marinho não consegue conter o grito preso na garganta dos brasileiros.
247

Mulher de João Santana foi torturada, diz Dirceu

: <p>Mônica Moura</p>

"O que fizeram com a Mônica foi terror psicológico. Colocaram ela na triagem de Piraquara, uma das piores penitenciárias do Paraná, totalmente dominada pelo crime. Colocar na triagem significa o seguinte: te colocam numa cela pequena, sem luz, sem nada. Te dão a comida pela bocuda. Sai para tomar banho dez minutos e volta. Em dois dias você faz delação, né?", disse o ex-ministro José Dirceu, em mais um trecho de sua entrevista.
247

18 de abril de 2018

LULA FOI CONDENADO POR REFORMA E ELEVADOR QUE NUNCA EXISTIRAM

Circula nas redes sociais nesta quarta-feira 18 um trecho do depoimento que o ex-presidente Lula concedeu a Sergio Moro no âmbito do processo do triplex do Guarujá, no momento em que o juiz pergunta a Lula sobre a reforma do apartamento e um "elevador privativo" que teria sido construído, de acordo com a denúncia, a pedido do ex-presidente a Leo Pinheiro, dono da OAS; ocupação do triplex pelo MTST desmascarou a farsa da reforma milionária no apartamento, que não tem nada, menos ainda um elevador privativo.

NOBEL VISITA LULA HOJE E DIZ QUE NENHUM OUTRO TIROU 30 MILHÕES DA POBREZA

Ricardo Stuckert
O arquiteto, escultor e ativista de direitos humanos argentino, Adolfo Pérez Esquivel, agraciado com o prêmio Nobel da Paz no ano de 1980, visita hoje na sede da polícia federal em Curitiba o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva; Esquivel afirma que a candidatura oficial de Lula ao Nobel da Paz será oficialmente lançada em setembro; para o argentino, o ex-presidente merece a premiação por ter retirado mais de 30 milhões de pessoas da miséria; a pré candidatura de Lula ao prêmio da academia sueca já conta com mais de 230 mil assinaturas pelo mundo e com o apoio de outro agraciado com o prêmio Nobel da Paz, o egípcio Mohamed El-Bardei.

17 de abril de 2018

Conheça o acampamento Lula Livre em Curitiba


A Imagem do dia: Ocupação do Triplex

A ação do MTST e da frente Povo Sem Medo de protesto pela prisão do ex-presidente Lula repercute e já chegou no Trending Topics do Twitter em duas hashtags: “Guarujá” e “MTST e Frente Povo Sem Medo”; confira algumas reações.

verdadesocultas

LÍDER DO GOLPE, AÉCIO VIRA RÉU POR CORRUPÇÃO E OBSTRUÇÃO DE JUSTIÇA

Lula Marques/Agência PT
Dois anos depois do golpe dos corruptos contra a presidente Dilma Rousseff, o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que protagonizou uma das maiores farsas da história do País, passa a ser réu no STF por corrupção e obstrução de Justiça; julgamento corre na Primeira Turma; votaram a favor do recebimento integral da denúncia, por corrupção e obstrução de Justiça, os ministros Marco Aurélio Mello, relator do caso, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux; Alexandre de Moraes não aceitou a denúncia por obstrução, apenas por corrupção

VOX POPULI: LULA FICOU MAIS FORTE APÓS PRISÃO

Ricardo Stuckert
Pesquisa do Instituto Vox Populi, realizada entre os dias 11 e 15 de abril, mostra que o ex-presidente Lula, mesmo depois de ter sido preso, mantém a liderança e até ampliou sua vantagem sobre os demais candidatos às eleições de outubro; na pergunta espontânea sobre intenção de votos para presidente da República, Lula marcou 39% (eram 38% na pesquisa Vox de dezembro de 2016); nos cenários comparáveis de segundo turno, Lula marca 56% x 12% contra Geraldo Alckmin do PSDB, 54% x 16% contra Marina Silva, da Rede, e 54% x 20% contra Joaquim Barbosa, do PSB; segundo o diretor do Vox Populi, Marcos Coimbra, a pesquisa mostra que aumentou o sentimento de que o ex-presidente é vítima de uma injustiça.

15 de abril de 2018

Confira como foi a Conferência Lula Livre de Comunicação

DATAFOLHA: MESMO PRESO, LULA É LÍDER ABSOLUTO


Ricardo Stuckert


O brasileiro que a maioria dos eleitores pretende conduzir à presidência da República em 2018 está preso; é o que mostra a nova pesquisa Datafolha, em que Lula aparece com 31% dos votos, mais do que o dobro do segundo colocado, Jair Bolsonaro, que tem 15%; o número é menor do que o da pesquisa anterior, quando Lula tinha 34%, mas pode ter sido afetado pela entrada de Joaquim Barbosa, que tem 8%, e também por toda a perseguição midiática e jurídica de que Lula tem sido alvo; Lula também supera com facilidade qualquer adversário no segundo turno, seja Bolsonaro, Alckmin ou Marina.
247

Imagem do Domingo: Açude do Itans em Caicó

AÇUDE-ITANS-ÁGUAS-1024x576
Essa imagem publicada pelo Angicos  News, mostra como ficou o açude do Itans em Caicó que estava praticamente seco e hoje, domingo,  o volume de água subiu  1 metro e meio para alegria dos Caicoenses.

14 de abril de 2018

Professor Assis Filho realiza o lançamento de sua pré-candidatura a deputado estadual em Mossoró

Aconteceu hoje sábado (14) o  lançamento da pré-Candidatura do Professor Assis Filho (PT) a deputado estadual  no auditório do Hotel Vila Oeste em Mossoró. O evento contou  com a presença de apoiadores em torno do seu nome para o legislativo do RN e com o aval da Senadora Fátima Bezerra que prestigiou o evento.

Confira as imagens:

 

Créditos; Lee Dantas

13 de abril de 2018

TRUMP ATACA A SÍRIA E PODE TER COMEÇADO A TERCEIRA GUERRA MUNDIAL

 REUTERS/Carlos Barria


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu atacar a Síria, sob a alegação não comprovada de uso de armas químicas, no que pode ter sido o início da Terceira Guerra Mundial; como a intervenção norte-americana na Síria, que matou 450 mil pessoas e deixou 10 milhões de refugiados, foi barrada pela Rússia, os Estados Unidos partiram para um ataque surpresa, nesta noite; antes disso, a Rússia já havia avisado que iria derrubar mísseis norte-americanos e que poderia haver uma guerra entre as duas maiores potências nucleares.

247

Os homens de bem, os puteiros e a prisão de Lula

:

"Os homens de bem não querem saber de provas. Querem condenar. Para os homens de bem, não importa se Lula é culpado ou inocente, não importa se o processo foi acelerado, não importa se a constituição foi rasgada", avalia o jornalista e escritor Felipe Pena; "Para os homens de bem, a justiça é um puteiro. Mas não é um puteiro comum. É um puteiro supremo, com direito a suingue e chicotada, com tudo. E o que eles gostam não é de um simples ménage à trois, mas de um 6 a 5, bem gostoso, como nas melhores putarias".
247

HOJE SEXTA-FEIRA 13, CÁRMEN LÚCIA ASSUME A PRESIDÊNCIA



 REUTERS/Ueslei Marcelino


Responsável pelo voto que salvou o mandato de Aécio Neves e também pelo voto que determinou a prisão do ex-presidente Lula, a ministra Cármen Lúcia assume a presidência da República nesta sexta-feira (13); sem vice presidentes e com os presidentes da câmara e do Senado também em viagem, a ministra, 4ª na linha sucessória, acumula as presidências de dois poderes.

247

12 de abril de 2018

Assista agora 'Linha de Montagem' o documentário histórico que conta como surgiu o sindicalismo brasileiro e a ascensão de Lula como uma liderança de massas no país a partir das greves de 1978, 1979 e 1980. O filme acaba de ser liberado na internet por seu diretor, Renato Tapajós, e pode ser visto gratuitamente em: https://youtu.be/3MuoLdrapBE

PT VAI REPRESENTAR CONTRA DODGE POR PREVARICAÇÃO


O líder do PT na Câmara, Paulo Lula Pimenta (RS), anunciou nesta quinta-feira (12) que o partido deverá representar no STF contra a procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, pelo crime prevaricação; medida deverá ser efetiva se ficar comprovado que a chefe do Ministério Público deixou de investigar denúncias de tráfico de influência e outros crimes supostamente praticados por procuradores que integram a Operação Lava Jato, conduzida por Sérgio Moro; na denúncia encaminhada à PGR, a Bancada do PT expôs farta documentação obtida do advogado Rodrigo Tacla Durán na CPMI da JBS.
247

Juiz do RN intima o presidente Michel Temer a falar sobre Henrique Alves e Eduardo Cunha

A 14ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte intimou o presidente Michel Temer (MDB) a depor como testemunha de defesa dos ex-presidentes da Câmara Eduardo Cunha e Henrique Eduardo Alves.
Ambos estão presos pela Operação Lava Jato e também são do MDB. A intimação ocorre no âmbito da operação Manus, desdobramento da Lava Jato. Ela investiga supostos benefícios ilegais a políticos em troca de pagamento de propinas por empreiteiras envolvidas na construção da Arena das Dunas, em Natal, no Rio Grande do Norte.
De acordo com o advogado de Temer no caso, Brian Prado, o ofício com o pedido de oitiva como testemunha foi encaminhado nesta semana ao presidente.
Segundo o advogado, as opções são Temer depor em Brasília por videoconferência ou responder aos questionamentos por escrito, que será a alternativa escolhida. Segundo Prado, o juiz responsável ainda não encaminhou as perguntas. Não há prazo para tanto.
Os depoimentos das 21 testemunhas de acusação já foram colhidos e, agora, a Justiça ouvirá as mais de 100 testemunhas de defesa. Além de Cunha e Henrique Eduardo Alves, outros réus no processo são José Adelmário Pinheiro Filho, da OAS, Fernando Luiz Ayres da Cunha Santos Reis – mais conhecido como Fernando Baiano –, Carlos Frederico Queiroz Batista da Silva e Arturo Silveira Dias de Arruda Câmara.
thaisa galvão

Já são 200 mil assinaturas pelo Nobel da Paz para Lula



: <p>Ato em São Leopoldo encerra a passagem da Caravana Lula pelo Brasil pelo estado do Rio Grande do Sul. #LulapeloSul #LulapeloBrasil Foto: Ricardo Stuckert São Leopoldo (RS), 23/03/2018.</p>

A campanha do ativista argentino Adolfo Pérez Esquivel, vencedor do Nobel da Paz em 1980, defendendo a candidatura de Lula ao Nobel da Paz já conta com mais de 200 mil assinaturas; a meta da campanha era arrecadar 150 mil apoios; saiba como assinar.
247

11 de abril de 2018

MÍDIA GLOBAL CONFIRMA: LULA É PRESO POLÍTICO

REUTERS/Leonardo Benassatto

Não demorou para a imprensa internacional entender a prisão do maior líder popular da história do Brasil como uma violência judicial e um arbítrio que viola direitos da democracia; essa percepção está estampadanos principais jornais do mundo, como The New York Times, Washington Post, The Globe and Mail, The Guardian, Sputinik, Página 12, L'Humanité e Le Monde.

10 de abril de 2018

MORO É RECEBIDO NA PUC-RS AOS GRITOS DE GOLPISTA

José Cruz/Agência Brasil | @Brasil_de_Fato

Sergio Moro foi recebido nesta terça-feira 10 aos gritos de "golpista" na Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio Grande do Sul; o juiz participou nesta tarde do Fórum da Liberdade, realizado na instituição; do lado de fora, manifestantes organizaram o "Fórum da Liberdade para Lula"; assista à recepção a Moro na universidade.
247

“LULA, AINDA DENTRO DA CELA, É O PROTAGONISTA DA ELEIÇÃO DE 2018”

Mídia NINJA

Em Madri, na Espanha, a presidente eleita e deposta pelo golpe, Dilma Rousseff, palestrou nesta terça-feira 20 na Casa da América em defesa da Democracia e pela liberdade do ex-presidente Lula; em sua fala, Dilma declarou que "Lula, ainda dentro da cela, é o protagonista da eleição de 2018 e de nosso futuro no Brasil!"; ela insistiu também que o ex-presidente é "inocente" e declarou que o PT combaterá e chegará a "todas as instâncias jurídicas" para que ele possa ser candidato.
247

LULA VAI APRESENTAR DOIS RECURSOS NO STF

Os advogados José Roberto Batochio e Evandro Pertence entrarão hoje com dois recursos junto ao STF contra a prisão arbitrária e ilegal do ex-presidente Lula; o primeiro recurso é um pedido de habeas corpus contra a decisão do STJ, que já indeferiu, por sua vez, um habeas corpus para o ex-presidente na sexta-feira; o outro alegará que o ministro do STF, Edson Fachin, desrespeitou decisão da corte ao negar o pedido da defesa.

9 de abril de 2018

RESOLUÇÃO DO PT CONFIRMA LULA CANDIDATO

Stuckert

Após reunião da Executiva Nacional nesta tarde, o PT emitiu uma nota reforçando que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua sendo o candidato do partido à presidência da República, mesmo estando preso; "Lula é inocente! Lula é um preso político! Por tudo isso, por toda sua história, Lula continua sendo nosso candidato à Presidência da República e sua candidatura será registrada no dia 15 de agosto, conforme a legislação eleitoral", diz a nota

Ao vivo com a Rádio Banda B

8 de abril de 2018

Exclusivo: Mensagem de Lula

AO PRESIDENTE LULA DA SILVA

Stuckert
"Lula, sem queremos incorrer na rasa pieguice, precisamos dizê-lo hoje mais do que nunca: você fez muito para nós, brasileiras e brasileiros. Você mostrou que há um Brasil inclusivo possível, um Brasil onde todas e todos cabem, sem distinção de gênero, renda, origem, cor, credo ou opção sexual", diz o ex-ministro Eugênio Aragão, em carta ao ex-presidente Lula; "Você ensinou tolerância, respeito aos que pensam diferente, amor aos que dele carecem"; "Nós agradecemos e assumimos o dever de continuar sua luta, que é a luta de todos nós. Você voltará nos braços das multidões e ensinará a seus detratores que não há força maior que a verdade e a justiça".
247

Porque prenderam o Ex-Presidente Lula

Está na Net hoje

MÍDIA GLOBAL RETRATA LULA COMO ALVO DE PERSEGUIÇÃO E FAVORITO NAS ELEIÇÕES

 Rafael Ribeiro
Sem vínculos com o golpe de 2016, que começou com o impeachment fraudulento da presidente Dilma Rousseff, e se concluiu ontem, com a prisão sem provas do ex-presidente Lula, a mídia internacional dedicou amplo espaço à tragédia brasileira e, de forma predominante, tratou Lula – o maior popular vivo no mundo – como um perseguido político que está sendo caçado pelo sistema judiciário brasileiro apenas porque lidera as pesquisas sobre as eleições presidenciais de 2018; mídia global ficou estupefata com o "condenado carregado nos braços do povo" – ou seja: ao menos no mundo civilizado, Lula venceu a disputa narrativa.

6 de abril de 2018

Mídia Ninja mostra a TRINCHEIRA DE RESISTÊNCIA Em São Bernardo


Em São Bernardo do Campo, uma uma fortaleza de resistência se ergueu. O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC abriga a militância e é trincheira de luta hoje, assim como há 40 anos, durante a ditadura militar.


TERMINA O PRAZO: LULA NÃO SE RENDE, POVO O PROTEGE, E REPRESSÃO PODE COMEÇAR

Condenado sem provas e alvo de um mandado de prisão ilegal, uma vez que assinado antes de esgotados os recursos, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu não se render no prazo determinado por Sergio Moro; cercado e protegido por milhares de pessoas no sindicato dos metalúrgicos de São Paulo, Lula decidiu não se entregar e agora, com ajuda da polícia de Geraldo Alckmin, a PF pode iniciar a repressão ao povo brasileiro; acompanhe ao vivo o ato em frente ao sindicato.